Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2011

A CIÊNCIA DE LÚCIFER "O BARDO THODOL"

Cápitulo XXI É próprio da magia negra e do culto ao mal apresentar a ordem natural ao contrário e, de uma maneira geral, inverter todas as coisas. O BARDO THODOL Se apresentarmos o falso espiritualismo, que é também falsa feitiçaria, é porque desejamos destacar o perigo que apresentam para o neófito os ensinamentos mal compreendidos, essencialmente perniciosos, mas que são apresentados a coberto da iniciação. No Tibete, o Bardo Thodol, o Livro dos Mortos, constitui um autêntico ritual de magia negra, segundo a versão inglesa do lama Kazi Dawa Smdup. O Bardo Todhol apresenta a descrição da agonia vivida, talvez, por “grandes Mestres”agonizantes mais lúcidos. Ele guia o espírito do morto através das visões infernais que o obsecam e desorientam, escreve o Sr Bacot. No estado intermediário(o Bardo), entre a morte e o renascimento, desenvolvem-se os efeitos necessários cujas causas foram as ações na vida. Depois, vem o mecanismo da transmigração e da determinação

O ÉPICO DE ERRA "AS ARMAS NUCLEARES DOS ANTIGOS"

"Épico de Erra. Composto a partir de fragmentos encontrados na biblioteca de Assurbanipal, esse texto assírio foi tomando forma e sendo mais bem compreendido à medida que outras versões fragmentadas iam sendo descobertas em diferentes sítios arqueológicos. Hoje sabe-se que ele foi escrito em cinco tabuinhas de argila, e do texto total só faltam algumas poucas linhas. Existem duas traduções completas e minuciosas desse épico: Das Era-Epos, de P. F. Gõssmann, e UEpopea di Erra, de L. Cagni. O Épico de Erra não apenas explica a natureza e as causas do conflito que redundou no uso da Arma Máxima contra cidades habitadas (com a intenção de aniquilar um deus que nelas se escondia), como também deixa claro que essa medida extrema não foi tomada de maneira apressada e irresponsável. Sabemos a partir de vários outros textos que naquele momento de grave crise os grandes deuses permaneciam reunidos num contínuo Conselho de Guerra, mantendo um constante contato com

O "MARAVILHOSO DESÍGNIO" DE HAWKING: UMA PERIGOSA ARMADILHA PARA A HUMANIDADE

O MARAVILHOSO DESÍGNIO Diz Hawking: “O livro foi escrito para objetivamente esclarecer duas questões. De onde veio o Universo e porque são as leis do universo tão bem dirigidas para permitir nossa existência.” Lendo-se as críticas de especialistas que já leram o livro  prontamente se constata o esperado: não são apresentadas as evidências que provariam suas teorias. Claro, em se tratando de Ciências, a ultima prova seria trazer o Universo para a mesa de testes experimentais ou então embarcar os leigos numa máquina do tempo e levá-los para o “antes” do Big Bang de onde assistiriam de camarote  o desenrolar de 13,7 bilhões de anos provando como o Universo, nós, e a nossa consciência, pipocaram para a existência… Portanto o Universo de Hawking pode ou não ser o real, de onde se deduz que o significado inteligível ou não, o sentido ou não-sentido das existências do Universo, da Vida, e as que mais nos interessam, do ser humano e da auto-consciência, continua sendo

UMA GALÁXIA ALÉM DESTE MUNDO

Imagem do Spitzer da NASA sobre galáxia além deste mundo quarta-feira, julho | 29 | 2009 Esta foto, foi recentemente divulgada pela NASA, e vejamos como foi interpretada sob a visão da Teoria da Matriz/DNA: É  mais um reforço a favor dos modelos desta teoria. Porém, à primeira vista (não tive ainda tempo de analisar a foto devidamente), temos uma controvérsia nas interpretações com o pessoal da NASA que se baseiam na Teoria Nebular. Eles sugerem que os corpos luminosos em volta do nucleo sejam estrelas; nossos modelos sugerem que sejam germes de estrelas, ou seja, as esferas recem abortadas do buraco branco que se dirigirão pasra o horizonte de eventos onde terão de passar por um cinturão de poeira e debris estelar, a qual vai se agregar à esfera e constituir-se na placenta, ou seja, nas camadas sólidas de rochas que mais tarde vão se tornar as camadas geológicas, quando então o astro será um planeta. Depois disso tornar-se-à um pulsar e só então desabrochará como uma estre

AS ESFERAS DE KLERKSDORP "wonderstone"

Extrato da carta do Sr. Hund:    A existência da esfera chamou minha atenção por volta 1977 enquanto eu removia perigosamente gravações em rochas do lugar de pirofilita ou "wonderstone" (pedra-maravilha), como é comumente conhecida na região, é minerada na fazenda Gestoptefontein (que significa fonte tampada) perto da pequena aldeia de Ottosdal uns 110 km de Klerksdorp, na Província de Noroeste da África do Sul.  Fiquei intrigado pela forma das esferas, entalha em torno do meio e o fato de que eram tão duras quanto aço, enquanto o material (pirofilita) no qual foram achadas, é tão mole quanto pedra calcárea na contagem de só 3 na balança de Moh. Como você provavelmente sabe, pirofilita (Al2 Si4 O10 (OH)2) é um mineral secundário e os depósitos foram formados por um processo de sedimentação. A atividade vulcânica de Gestoptefontein foi responsável pela formação que aflorou, cuja altura varia entre 10 a 100 metros. A superfície lisa e relativamente suave nos declives er