Pular para o conteúdo principal

Postagens

Enuma Elish o Mito da Criação

  O Enuma Elish é um texto antigo, escrito em acádio, que conta a história da criação do mundo segundo a mitologia babilônica. Ele consiste em sete tabuletas de argila, datadas do século VII a.C., e foi descoberto na Biblioteca de Assurbanipal, na antiga cidade de Nínive. Aqui está um resumo do Enuma Elish completo: 1. **Prólogo**: O poema começa descrevendo um tempo em que o céu e a terra ainda não haviam sido nomeados, apenas o caos primordial existia, representado pelas águas doces de Apsu e pelas águas salgadas de Tiamat. 2. **Conflito entre Apsu e Tiamat**: Apsu, o deus primordial da água doce, e Tiamat, a deusa primordial do oceano, decidem destruir seus filhos, os deuses menores, devido ao barulho que eles fazem. O deus Ea, filho de Apsu, descobre o plano e mata Apsu antes que ele possa executá-lo. 3. **Tiamat se vinga**: Tiamat, enfurecida com a morte de Apsu, decide vingar-se criando um exército de monstros liderados por Kingu, seu novo consorte. Ela dá a Kingu o Tablet of Des
Postagens recentes

O Deus Criador Atum

  A história de Atum na mitologia egípcia é uma das narrativas centrais da criação do mundo. De acordo com algumas versões, Atum surge do Nun, o oceano primordial, como uma divindade solitária. Ele é frequentemente retratado como um deus primordial, muitas vezes representado como uma figura masculina com uma cabeça de carneiro ou como um homem velho com uma coroa dupla. Atum é considerado o criador dos deuses e do universo, muitas vezes descrito como o "Senhor de Tudo que existe". Ele realizou a criação ao se masturbar e produzir os primeiros deuses, Shu (o ar) e Tefnut (a umidade), por meio de sua própria saliva ou de seu próprio esperma, dependendo da versão do mito. A partir daí, Shu e Tefnut deram origem ao céu (Nut) e à terra (Geb), completando assim a criação do mundo conforme conhecido pelos antigos egípcios. Este é apenas um resumo simplificado da história de Atum na cosmogonia egípcia, que pode variar em detalhes e interpretações de acordo com diferentes fontes e per

Máquinas Biológicas

  Este mundo material é descrito como padam padam yad vipadam o que significa que há perigo a cada passo. O tolo pensa que é feliz neste mundo material, mas de fato ele não o é, pois quem cultiva esse pensamento esta apenas iludido. A cada passo, a cada momento há perigo. Na civilização moderna, pensa-se que com uma boa casa e um bom carro, a vida é perfeita. Nos países ocidentais, especialmente nos Estados Unidos, vem bem a calhar possuir um bom carro, porém, logo que a pessoa esta na estrada, surge o perigo porque, a qualquer momento, pode ocorrer um acidente e ela acaba morrendo. As estatísticas realmente mostram que muitas pessoas morrem nesses acidentes. Portanto pensarmos que de fato este mundo material é um lugar feliz, isto se deve apenas a nossa ignorância. O verdadeiro conhecimento é sabermos que este mundo material está cheio de perigos. Talvez lutemos pela existência tanto quanto nossa existência permita, e talvez tentemos cuidar de nós mesmos, porém, a menos que Krsna, a S

Os Criminosos de Guerra Nazistas no Brasil e os médicos árabes.

  Josef Mengele era professor de Medicina ensinava técnicas de cirurgia cardíaca, transplante de órgãos, fertilização assistida, usava cobaias humanas e era protegido por multinacionais alemãs trabalhou em Porto Alegre e em São Paulo com nome falso junto com médicos árabes e mantinha contato com outros criminosos nazistas na América do Sul, Eua, Oriente Médio e Europa. médico se amparava na fortuna do pai – multiplicada durante o nazismo graças a mecanização da agricultura e depois na reconstrução do país. Para ajuda-lo, Karl entrou em contato com Jorge Antonio, braço direito de Perón e homem de confiança dos alemães no Rio da Prata. Argentino de origem Síria, el Turco enriqueceu noa anos de 1950 usando seus vínculos com o poder, a ponto de se tornar presidente da filial argentina da Mercedez Benz e sócio de dezenas de outras empresas. A Mercedes ajudou vários nazistas, a exemplo de Eichman. Mengele, porém não precisou de emprego. Criou suas próprias empresas com o dinheiro paterno. Os

O sequestro de símbolos e seu poder.

  "O motivo aparentemente foi usado pela primeira vez na Eurásia, 7 mil anos atrás, talvez para representar o movimento do sol no céu... como símbolo de bem-estar nas sociedades antigas", segundo a Enciclopédia do Holocausto. Ele explica à BBC que "a suástica é um cubo em quatro dimensões usado na matemática védica. Ela também simboliza todo um estado de ser da filosofia indiana — o quarto estado da consciência, depois de acordar, dormir e sonhar." "O uso do sinal por Hitler foi demonizante...", prossegue Chaturvedi, "e [trouxe] seu uso na política, sem nenhuma compreensão do que ele significava na filosofia indiana, onde os símbolos sempre são respaldados por [seu] sentido e profundo significado." É claro que a apropriação cultural costuma prejudicar a cultura original. O orientalista alemão Max Müller (1823-1900) escreveu para Schliemann, aconselhando que ele deixasse de usar a palavra "suástica" para descrever os ícones. "Suásti

A civilização Suméria e o Velho Testamento

  Há algumas semelhanças entre a mitologia suméria e o Velho Testamento da Bíblia. Ambas as tradições incluem narrativas sobre a criação, o dilúvio e figuras divinas que desempenham papéis importantes na história da humanidade. Por exemplo, as histórias de Adão e Eva na Bíblia têm paralelos com a narrativa suméria de Enki e Ninhursag. Os judeus foram escravos na Babilônia durante o período conhecido como o Exílio Babilônico, que começou em 586 a.C., quando o Rei Nabucodonosor II conquistou Jerusalém e destruiu o Templo de Salomão. Esse período de exílio durou aproximadamente 70 anos, até que Ciro, o Grande, conquistou a Babilônia e permitiu que os judeus retornassem à Judéia e reconstruíssem o Templo. Não existem diferenças significativas entre o judaísmo e as religiões egípcia e suméria, algumas semelhanças podem ser identificadas. Por exemplo, a crença em divindades, rituais religiosos e práticas de culto eram aspectos comuns em todas essas tradições. Além disso, tanto o judaísmo qua

A Teoria M

 A teoria das cordas é uma abordagem teórica na física que sugere que os blocos fundamentais da natureza não são partículas pontuais, mas sim cordas vibrantes. Essas cordas podem assumir diferentes modos de vibração, correspondendo a diferentes partículas elementares. A teoria M é uma extensão da teoria das cordas que unifica várias versões da teoria das cordas e incorpora objetos estendidos mais complexos, como membranas. Ambas as teorias buscam uma descrição unificada das forças fundamentais da natureza, incluindo a gravidade, e são áreas ativas de pesquisa na física teórica. A Teoria M incorpora vários conceitos fundamentais. Aqui estão alguns deles: 1. **Cordas Vibrantes:** Ao contrário da visão clássica de partículas como pontos, a Teoria M propõe que as partículas fundamentais são na verdade cordas vibrantes. A natureza e modo de vibração dessas cordas determinam as propriedades das partículas. 2. **Dimensões Extras:** A teoria sugere a existência de dimensões espaciais extras al

EU SOU A LUZ DO MUNDO

  O mito solar mais antigo conhecido é provavelmente o deus egípcio Rá, que remonta a cerca de 3.000 a.C. Rá era associado ao sol e considerado uma divindade poderosa na mitologia egípcia. Eu já discordo e acredito que o Deus do Sol mais antigo é na mitologia suméria, o deus do Sol era Utu, também conhecido como Shamash em acadiano. Utu desempenhava um papel importante como divindade solar, associado à justiça e à ordem. Eu também não ficaria surpreso se o Deus do Sol mais antigo fosse o da civilização védica. Na mitologia védica, o deus do Sol é chamado Surya. Surya é considerado uma divindade importante associada à luz, calor e energia vital. Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará nas trevas, mas terá luz e vida.” Estas palavras de Jesus, contidas no Evangelho de João (8, 12), desempenharam um papel crucial quando as autoridades do Império Romano e os primeiros hierarcas da Igreja procuraram esclarecer um dos enigmas da Bíblia: quando foi o fundador do Cristianismo? Embora o

Fraternidade

  Um feliz Natal para todos os meus amigos e hoje independente da religião, crença, mitologia é dia para reunir a família num ambiente fraterno. A Saturnália era uma antiga festividade romana celebrada em honra ao deus Saturno, geralmente entre 17 e 23 de dezembro. Ela envolvia banquetes, trocas de presentes, liberdade temporária de escravos e um clima festivo. Algumas tradições da Saturnália influenciaram as celebrações modernas de Natal, como a troca de presentes e as festividades. A associação com o Natal pode estar ligada ao desejo de cristianizar celebrações pagãs existentes. Não há uma correspondência direta entre o deus Saturno e a mitologia grega, já que Saturno era uma divindade romana. No entanto, alguns paralelos podem ser traçados com Cronos, o titã grego que governava o tempo, relacionado ao conceito de "era dourada" e à associação com a agricultura. O dia 25 de dezembro tem significados distintos em diversas religiões: 1. **Cristianismo:** No cristianismo, 25 de

CUiDADO COM O ELEVADOR SECRETO

  CUIDADO COM O ELEVADOR SECRETO Deros – demônios em tudo menos no nome e até mesmo perto disso – eram idiotas sádicos que tinham acesso à tecnologia avançada dos antigos e fizeram acordos com a Sociedade Thule dos nazistas da SS. Os Deros ( Robôs Trimentais ou Robôs Prejudiciais em inglês, embora não sejam robôs no sentido mecânico) são seres descritos nas histórias do escritor americano de ficção científica Richard Sharpe Shaver , embora também façam parte das crenças do Nuwaubianismo e do Nuwaubian. religiões, a Igreja dos subgênios . Shaver escreveu sobre raças pré-históricas tremendamente avançadas que construíram cidades-cavernas nas profundezas da Terra antes de abandoná-las por outro planeta. Esses antigos também abandonaram alguns de seus próprios descendentes doentes aqui na Terra, que degeneraram com o tempo em uma população sádica e com danos mentais conhecida como Deros. Os Deros seriam os verdadeiros impulsionadores dos OVNIs , bem como os provocadores de todo tipo de cat

CUIDADO COM O ELEVADOR SECRETO "Los Deros Existem não é ficção"

  Deros – demônios em tudo menos no nome e até mesmo perto disso – eram idiotas sádicos que tinham acesso à tecnologia avançada dos antigos e fizeram acordos com a Sociedade Thule dos nazistas da SS. Os Deros ( Robôs Trimentais ou Robôs Prejudiciais em inglês, embora não sejam robôs no sentido mecânico) são seres descritos nas histórias do escritor americano de ficção científica Richard Sharpe Shaver , embora também façam parte das crenças do Nuwaubianismo e do Nuwaubian. religiões, a Igreja dos subgênios . Shaver escreveu sobre raças pré-históricas tremendamente avançadas que construíram cidades-cavernas nas profundezas da Terra antes de abandoná-las por outro planeta. Esses antigos também abandonaram alguns de seus próprios descendentes doentes aqui na Terra, que degeneraram com o tempo em uma população sádica e com danos mentais conhecida como Deros. Os Deros seriam os verdadeiros impulsionadores dos OVNIs , bem como os provocadores de todo tipo de cataclismos de superfície. Diz-se

A QUINTA FORMA DE MATÉRIA DO UNIVERSO

 O VERBO É A INFORMAÇÃO A QUINTA FORMA DE ENERGIA DO UNIVERSO  Verbo é a classe gramatical de palavras que normalmente têm significado de ação, estado, mudança de estado ou fenômeno da natureza, e que variam em relação ao tempo.  Conceitualmente, a realidade independente do observador refere-se a elementos ou fenômenos que existem objetivamente, independentemente da percepção ou interpretação de qualquer pessoa. Exemplos incluem leis físicas, eventos astronômicos, propriedades químicas e aspectos fundamentais da natureza. Em contraste, percepções subjetivas, opiniões e experiências pessoais geralmente dependem do observador e são influenciadas por fatores individuais. A realidade independente do observador busca descrever aspectos do mundo que existem independentemente de como são percebidos ou compreendidos por qualquer pessoa específica. Antes de qualquer outra coisa existir, Deus já existia.  Ele é eterno , sem começo nem fim. Foi Ele que criou tudo que existe no princípio, através

A Misteriosa Civilização Védica

  A civilização védica refere-se a uma antiga cultura que se desenvolveu no subcontinente indiano, particularmente nas regiões do noroeste, há milhares de anos.  Essa civilização é mais conhecida por seus textos religiosos e filosóficos, os Vedas, que são uma coleção de escrituras sagradas em sânscrito. Aqui estão alguns livros que abordam o assunto das origens da civilização védica: 1. "The Rig Veda" (O Rigveda) - Este é o mais antigo dos Vedas e contém hinos religiosos e poéticos que oferecem informações sobre a cultura e crenças da civilização védica. 2. "The Upanishads" (Os Upanishads) - Estes textos filosóficos exploram conceitos espirituais e metafísicos e são considerados uma parte essencial da herança védica. 3. "The Mahabharata" - Este épico antigo contém a história do conflito entre os Pandavas e os Kauravas, além de conter muitas histórias e ensinamentos relacionados à civilização védica. 4. "The Bhagavad Gita" - Parte do Mahabharata,

Qual a diferença entre religião e mitologia?

  A Estrela de Davi, também conhecida como Selo de Salomão, é um símbolo que tem significados diversos, incluindo interpretações místicas. Algumas das interpretações místicas associadas a esse símbolo incluem: 1. Proteção espiritual: A Estrela de Davi é vista por alguns como um símbolo de proteção espiritual, que pode ajudar a afastar influências negativas e atrair energias positivas. 2. Equilíbrio: A Estrela de Davi é formada por dois triângulos, um apontando para cima e outro para baixo, simbolizando a união de forças opostas, como o masculino e o feminino, o céu e a terra, o divino e o humano. Isso representa o equilíbrio e a harmonia. 3. União e transcendência: Alguns veem a Estrela de Davi como um símbolo da união entre o divino e o terreno, representando a conexão entre o homem e Deus. Pode ser interpretada como um caminho para a transcendência espiritual. É importante ressaltar que o significado da Estrela de Davi pode variar de acordo com a cultura, a tradição religiosa e as cr

A ONDA DE VIOLÊNCIA NO BRASIL FOI PLANEJADA HÁ MAIS DE 50 ANOS?

  Trecho do Livro "A Grande Conspiração Universal" Do ex psiquiatra da UFRGS Ernesto Bonno. Este livro é de 1992 e tudo que é denunciado é um plano macabro que estamos vivenciando atualmente. Programas de bem-estar social foram forjados, exatamente criar e sustentar aqueles indivíduos que acabariam não trabalhando(criada a dependência ou toxicomania), essas mesmas forças ocultas começaram a cancelar gradativamente esses programas de bem-estar social, cortado o auxilio, com o fito exclusivo de desenvolver um enorme contingente de marginais e criminosos (e como abundam nas infinitas favelas das grandes cidades brasileiras! É bom que se saiba que esses não existiam nas décadas 1950 a 1970. Ao mesmo tempo, esses mesmos indivíduos incentivariam a construção de armas militares sofisticadas, com grande poder de fogo, e encorajaram e facilitaram sua importação. E qual a finalidade de tudo isso? Ora bem evidente: a) forjar vários exércitos de marginais intoxicados, dependentes e viole

RELATÓRIO ULTRA SECRETO ""Inteligências extraterrestres usam embriões humanos como pilotos"

  A vida não é um problema a ser resolvido mas um mistério a ser vivido e agora o mistério virou um problema sério porque segundo o relatório abaixo inteligências extraterrestres estão usando embriões humanos para os modificar e transformar em máquinas sem vontade própria eu não acredito e desconheço projetos secretos dos russos, nazistas, norte americanos que tivessem tecnologia para fazer isto ainda mais as naves de tecnologia desconhecida que eles pilotavam ou nós como embriões modificados. Relatório 1:”Data de 19 de julho de 1947 – Primeiros trabalhos concernentes à autopsia de um ser de aparência de um embrião humano. O cadáver media 1,10 m de comprimento e pesava 12,24 quilos. E sua aparência era de um embrião humano, com um crânio grande. As mãos e os pés eram normais. Havia um vestígio de membrana unindo o polegar ao indicador, tanto nas mãos como nos pés. Tinha porem um aspecto totalmente embrionário e não revelava qualquer traço de puberdade ou amadurecimento. As orelhas esta